Minha vizinha tarada

O que eu relato agora, aconteceu comigo,ha uns cinco anos atrás.
Tenho uma vizinha, suma senhora muito distinta, e que mesmo com seus cinquenta e poucos continua muito bonita e atraente.Muito honrada, vive com seu marido que trabalha fora,e que só vem pra casa nos finais de semanas, mais tbm muito meu amigo.Certo dia, eu estava em casa sozinho, ela me ligou pedindo que eu desse uma olhada em seu micro, pois o mesmo aparentava ter algum problema.Embora não seja um técnico, fui dar uma olhada e,vi que não se tratava de nada grave, tratando logo de sanar o problema.Enquanto examinava o micro, ela veio e sentou-se próximo a mim, mais numa posição um pouco provocadora, deixando ver bom pedaço de suas coxas.
Aquilo me excitou, mais procurei me conter, afinal, eu não esperava nada da parte dela.Disse a ela que esta pronto ela se aproximou, deixando seu corpo se encostar, como que por descuido no meu.Notou a minha excitação e exclamou!……….estas a perigo hein?Fiquei envergonhado, mais de repente ela passou a mão sobre minha calça apalpando meu pau.Virou e sem que eu esperasse me beijou.
Imediatamente, foi abaixando minha calça, pegando meu membro e colocando-o na boca, chupando como nunca eu poderia imaginar.
Tirei seus seios pra fora comecei a suga-los enquanto minha mão descia pelo seu corpo até atingir sua bucetinha que estava toda meladinha.Ela mesmo se incumbiu de tirar o resto das roupas e pude então,contemplar aquela coisinha linda, lisinha, e faminta. me puxando para o quarto, deitando e quase me implorando para que a fodesse.Comecei a chupar aquela bucetina enquanto ela se contorcia de tesão, e não resistindo mais ela chegou ao orgasmo naquele oral.Continuei com minhas caricias e só depois a penetrei, tirando gritos de prazer, enquanto dava estocadas ora vagarosamente, ora forte, fazendo com que minhas bolas se encostasse no fundo.Novamente ela gozou, e fomos tomar uma banho rápido e voltamos pra cama, e novamente comecei a acaricia-la e chupa-la,e agora eu tbm acariciava a entrada de seu rabinho. Com sua própria lubrificação, deixei seu buraquinho lisinho e meu dedo entrava e arrancava dela suspiros.Coloquei ela da de 4,coloquei a cabeça , ela se retraiu, eu parei, aumentei as caricias e apos se relaxar, a cabeça entrou. Fiquei paradinho e só depois fui colocando vagarosamente cm por cm ate encostar as bolas e iniciar um vai e vem, enquanto masturbava sua xaninha. Ela começou a rebolar e gemer, jogando a bunda para traz e chegou, acho que no maior dos gozos.Depois, tirei pra fora, e gozei no reguinho daquela bunda gostosa, nos banhamos e fui embora. Houve outras oportunidades, mais muito raro,e agora que se mudou perdemos o contato.

Você pode gostar também

Seja o primeiro a Comentar Em: "Minha vizinha tarada"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*